Documentação de um relatório em Power BI

O desenvolvimento de relatórios é feito muitas vezes de forma orgânica, sendo que a documentação do mesmo nem sempre é feita ou muitas vezes de forma deficiente.

Assim, a informação relativa ao modelo, medidas utilizadas informação disponibilizada é passada de modo esporádico, dificultando as alterações e atualizações dos relatórios após alguns meses depois de criados ou até por outras pessoas que não as que estiveram envolvidas no processo inicial.

Este processo de documentação poderá ser demorado e muitas vezes não o rácio custo/benefício não é claro, logo é negligenciado nomeadamente quando falamos de projetos que não desenvolvidos fora de projetos de IT.

Para colmatar este ponto e conseguir rapidamente documentar os relatórios podemos fazer uso do Power BI Helper.

Continue a ler “Documentação de um relatório em Power BI”

Gráficos de barras com eixo móvel

As possibilidades de formatação das visualizações são bastastes e dependendo do tipo de gráfico poderão ter um maior ou menor detalhe de personalização.

Uma das possibilidades que não é facilmente customizada é a possibilidade do valor de referência de um eixo ser diferente de 0.

Vou exemplificar como podemos criar um gráfico de barras com a referência no valor 100 em vez de ser no 0.

Continue a ler “Gráficos de barras com eixo móvel”

Como dinamizar o Play Axis

Uma das grandes vantagens do Power BI é a utilização de visuais personalizados. Um dos visuais que permite maior impacto visual é o Play Axis que permite visualizar a informação como um “vídeo”.

Esta visualização permite a passagem ponto a ponto da informação desejada, no entanto, esta é uma limitação uma vez que temos uma evolução ponto a ponto.

Continue a ler “Como dinamizar o Play Axis”

Comparar o mês n de vendas

Ao analisarmos informação temporal temos por hábito utilizar as datas ou meses/anos para comparar os dados, ou seja, comparamos as vendas de Janeiro da loja 1 com as da loja 2. No entanto podemos também querer fazer uma variante desta análise com base no tempo de atividade de cada local.

Neste post irei falar de como podemos comparar o desempenho de cada loja no seu n mês de atividade, ou seja, se considerarmos que a loja 1 iniciou as suas vendas em janeiro 2019, a loja 2 iniciou em agosto 2020 e a loja 3 em março 2021 vamos então comparar estes 3 meses para cada uma.

Continue a ler “Comparar o mês n de vendas”

Adicionar nomes dinâmicos

No Power BI podemos criar medidas que nos permitem gerar cálculos dinâmicos com base em diversos parâmetros, no entanto os nomes dessas medidas nas visualizações só podem aparecer de uma de duas formas, ou com o nome própria medida ou com o alias que escolhermos na visualização.

De forma a tornarmos a informação mais percetível a melhor forma é que a não só os dados das medidas sejam dinâmicos, mas também o nome apresentado nos gráficos ou tabelas.

Podemos utilizando alguns recursos adicionais criar nomes dinâmicos para que os nossos relatórios apresentem informação dinâmica.

Considerando um modelo simples de vendas, queremos apresentar o cálculo da variação percentual do ano anterior, no entanto em vez de aparecer o nome simples de “Sales % vs PY” queremos substituir o PY pelo ano em questão.

Continue a ler “Adicionar nomes dinâmicos”

9 regras DAX não escritas

Esta semana no Youtube da Curbal foi apresentado um vídeo sobre como identificar se alguém estaria a dar os primeiros passos em DAX. Apesar de falarmos em regras, tratam-se basicamente de boas práticas. Estas práticas, a meu ver, são essenciais para que os nossos modelos e relatórios de Power BI consigam ser facilmente escalado e atualizados.

Ao ver o vídeo apercebi-me que a maior parte das “regras” que apresenta eu fui apanhando ao longo do tempo, vejam abaixo as que não conhecem e se aplicam alguma nos vossos modelos.

Continue a ler “9 regras DAX não escritas”

Como levar um relatório para o próximo nível

Com a versão de abril do Power BI foi disponibilizada a visualização do Power Automate. que permite ativar fluxos diretamente dos nossos relatórios utilizando dados presentes nos mesmos.

Esta visualização está ainda em preview, no entanto, se tivermos em conta as funcionalidades do Power Automate as potencialidades que se abrem são inúmeras.

Vou demonstrar como pode ser simples atualizar uma tabela com os valores mensais de taxa de câmbio sem termos de abrir, alterar e gravar um ficheiro de Excel.

Continue a ler “Como levar um relatório para o próximo nível”